27 de out de 2007

E aí mano, vai encarar?

O Estadão do dia 25 deu que “A Defensoria cria serviço para gays”, a transa é a seguinte, a Defensoria Pública do Estado de São Paulo criou um órgão para orientar e oferecer assistência gratuita (a quem ganha até 3 salários mínimos) para casos de discriminação sexual, que antes eram atendidos no âmbito administrativo e não criminal.

As vítimas são encaminhadas ao Centro de Referência em Direitos Humanos de Prevenção e Combate à Homofobia (tel. 11-3106.8780), que dá assistência psicológica e jurídica. Grava o número no celular bee!!!

...

Outra coisa que chamou a atenção nesta semana foi uma campanha na Itália contra a discriminação de homossexuais mostrando a foto de um recém nascido com uma etiqueta “homossexual" no pulso. “A orientação sexual não é uma escolha”, diz o cartaz, o que você acha disso?

Nenhum comentário: