6 de mar de 2008

Brilhante!

Nada como o tempo, não é mesmo? Sim, eu sei que "estavamos" jogando de forma confusa, também não estou entendendo a cabeça 'do professor', mas o que os poucos tricolores que foram prestigiar esta estréia na Libertadores puderam ver foi a justíssima 'redenção' (pelo menos desta semana) do "Imperador"!
'Amarelou' todos que o marcavam, 'caçou' jogadas e pode-se dizer agora, sem medo de errar o adjetivo, que ele BRILHOU e salvou o time com seus dois gols no "São Paulo 2 x 1 Audax".
...

P.S.: Mais uma vez, esqueçam o que a "Folha" publica hoje sobre a cobertura do jogo. Acho que Márvio dos Anjos poderia definitivamente mudar o foco de 'suas teses', foi no mínimo deselegante. E, sim, estou falando isso porque sou sãopaulino e não tenho isenção emocional para ler de outra forma. Achei agressivo da primeira a última linha!

Nenhum comentário: