7 de out de 2008

Mais eleições/Parte 4 (O quê querem os vices 'gêmeos' Alda e Aldo?)

Tendo em vista a histórica importância dos 'vices' no Brasil vou 'quixotescamente' fazer uma campanha para 'à la' americana termos um (ou vários) debates públicos com os atuais (who?) vice-candidatos à prefeitura de São Paulo.
Se não vejamos, caminhamos com vices desde (antes houveram outros, mas vamos começar por este) a histórica renúncia de Jânio Quadros (nos anos 60) que vagou a presidência para o seu vice João Goulart, presidência esta que lhe foi 'tirada' pelos militares (com apoio dos americanos, sempre eles!) e que em momentos de transição menos tensos, Tancredo (aquele que foi sem nunca ter sido) 'passou' para o seu vice Sarney, que depois de dois mandatos entregou a Collor que 'empixado' foi obrigado a entregá-lo ao seu vice Itamar.

Nem preciso dizer que NENHUM desses vices tinham planos, projetos ou até mesmo vontade de seguir adiante governando o País, alguns, picados pela 'mosca azul', se empolgaram e ficaram até mesmo mais do que deveriam.
Bem mais recente em escala estadual e municipal paulista, Covas morreu deixando o cargo a seu vice Alckmin (que se reelegeu e hoje está sem rumo, perdido mesmo!) e Serra que ganhou numa última eleição a Prefeitura resolveu deixar para o seu vice Kassab e concorrer (e levar também) ao Governo do Estado. Agora responda rápido, quem assumiu a Prefeitura quando Celso Pitta foi 'empixado'?
Tst, tst, tst, você nunca ouviu falar na mandato relâmpago de Régis de Oliveira? Tá vendo como é bom perguntar antes "me diga com quem tu andas"?

Pois bem, depois da aula da 'tia' pergunto: quais são os planos dos vices de Kassab e Marta? Não que eu ache que algum dos dois morrerá durante o mandato (toc, toc, toc,) mas com as eleições presidenciais de 2010 por aí e um bom começo de governo eu aposto as minhas jóias como Marta não piscaria os olhos duas vezes (deixo a piada pronta para vocês, ok?!) em se candidatar à presidência deixando o 'pai do dia-do saci' de presente para os paulistanos. Quanto a Kassab eu suspeito (embora eu não tire o meu colar do pescoço!) mas duvido que ele se arriscaria numa aposta tão grande, ele sabe que não tem, ainda, projeção nacional.

Mas voltando aos vices, o que pensam respectivamente Alda Marco Antônio/Kassab e Aldo Rebelo/Marta? 'Gosh', será um complô de 'gêmeos' ou uma espécie de condição 'numerológica' para assumir o cargo na Prefeitura?!
Como a história já nos ensinou é bom a gente não se distrair com 'esses pequenos detalhes' pois como bem disse Clóvis Rossi na "Folha" desta terça-feira, "gente distraída costuma apanhar mais".
Acho que já apanhamos o bastante, não?

P.S.: Como bem lembrou o meu amigo Miguel, nos comentários, acabei me esquecendo do vice Claudio Lembo, que assumiu o Estado quando Alckmin saiu em campanha presidencial (e perdeu).

2 comentários:

Anônimo disse...

Caetano, no seu histórico você esqueceu de mencionar o pior de todos os vices - Cláudio Lembo - que nunca fez nada na vida e quando pode mostrar algum serviço, só lamentava sua própria sorte e contava os dias que faltavam para acabar o seu mandado. Picareta! Mais um, né?
Bjs
Miguel

viralata disse...

oops bem lembrado Mi, esqueci mesmo do 'homem sobrancelha'! kkkkk
bj