24 de nov de 2008

A Droga, o Racismo e a Falsa Moral Brasileira

Do Blog do Gerald Thomas, o resto você lê lá:

Tudo velado. Economia velada, vícios velados, governos velados e uma economia falida num sistema que (agora) se repensa. Que bom! Sou capitalista. E o capitalismo sempre teve que se repensar. Karl Marx, se lido a sério, examina o problema da mais-valia e acha necessário mesmo que o “tratamento de choque” na sociedade industrial que ele foi examinar na Inglaterra precisa mesmo ser reestruturado. E isso quebra muito ego. E ego precisa de psicanálise. Muita análise precisa de droga. Muita droga é legal. Muita droga legal também leva ao mesmo “escapismo” que a ilegal. Muita droga legal nos leva a crer que estamos CONTENDO as compulsões que queremos ter porque TUDO em volta está CAINDO aos PEDAÇOS. Tudo bem, se a farsa é pra ser farsesca, qual o problema em torná-la uma Comedia Dell’Arte? Para que minimizá-la e sorrir amarelo e ficar em constante ESTADO de DENIAL – de negação - dizendo para nossa quarta parede interior: “Não somos um país racista. Esse Gerald é uma merda mesmo, volta pro seu pais!

...

Leia no "Viralata Reloaded" o post "O pior da Democracia é saber lidar com as diferenças"

2 comentários:

Glorinha disse...

Caetano,bom dia!
precisei ler mais de uma vez lá...relendo vou revelando mais alguma coisa que tá embutido nos cantinhos das linhas...
[[]]abraços,

viralata disse...

Pois é, e não é que eu tb!
Boa semana ;)