3 de mai de 2009

A Verdade, nada mais do que a Verdade

Já comentei várias vezes por aqui sobre o jornalista e escritor americano Gay Talese (ao lado), principalmente depois que li "A Mulher do Próximo", um painel sobre a sexualidade dos anos 50 até os fatídicos 80 com o surgimento da AIDS. Talese foi a 'chave do novo jornalismo' embora desdenhe este título, sua vida se mistura com suas obras e com o período que esteve à frente do "NYTimes".
Neste domingo a jornalista Lúcia Guimarães apresenta um Talese, em entrevista para o "Estadão", de forma honesta e simpática (leia aqui e aqui!), a melhor pergunta respondida é sobre o futuro dos jornais impressos e para que precisamos de jornais, com vocês a resposta do sábio jornalista:

- "(...) Os jornais estão mais interessados na verdade, mesmo se cometem erros, às vezes, erros involuntários. E se você ainda quer a verdade, é mais fácil chegar a ela por intermédio de um jornal do que em qualquer outra instituição. Os jornais ainda oferecem a melhor chance de manter a verdade em circulação."

7 comentários:

Glorinha disse...

Caetano...bom de ler a sua indicação...isso é verdade!!!
A foto do mês é muito bela!
[[]]abraços

Henrique Hemidio disse...

Juro que procurei ironia nessa resposta...

viralata disse...

Obrigado Glorinha.
Henrique acho que não! Claro que posso ter tirado a frase do contexto em que ele diz tb que nas redações de jornais existem mais gente que fala a verdade do que em outros meios (mesmo com as excessões!). Não sei se sou otimista mas quero pensar igual, acredito que os jornais impressos ainda têm suas fontes confiáveis.
Abração

Henrique Hemidio disse...

Sem estender muito a treta, Caetano, ao que se deve esse seu otimismo?

viralata disse...

heheheh!!! Acho que a minha frustração 'jornalistica' me fez aproximar de muitos jornalistas e 'gente do meio'. Pessoas que estão entre as melhores cabeças pensantes do jornalismo brasileiro e que , believe, fazem a diferença! Vai ver que é isso...

Sandra disse...

Bem... Ele ama o trabalho dele. E por isso, tem meu respeito.

viralata disse...

Sandra bota o meu nome na 'lista'!
bj